Trabalhos 2020-21

Eco-Piñata

Colégio O Sossego da Mamã (Almada)

Escalão:  1º escalão (jardins de infância e 1º ciclo)

Pesquisa sobre a origem da pinhata:

Memória Descritiva:
FASES DO PROJETO:
1.ª Pesquisa sobre a origem da pinhata
O grupo pesquisou em conjunto sobre a pinhata. Primeiro perceberam que letras eram necessárias para escrever a palavra e procuraram cada uma delas no teclado do computador. Realizaram uma pequena pesquisa e com a ajuda dos adultos selecionaram a informação mais importante que resumiram. Como estavam um pouco confusos relativamente aos principais países que eram mencionados na pesquisa, decidimos começar por realizar um mapa mundo, com as bandeiras e a pintura dos 5 países principais na história da origem da pinhata. Colocámos, também, pegadas, simbolizando o "caminho" realizado durante a evolução da pinhata até aos dias de hoje. Depois, para cada país, resumiram a informação mais importante e escrevemos as palavras principais. Procuraram, ainda. algumas imagens para nos ajudar a identificar as características do jogo da pinhata, em cada país, de acordo com as épocas.
Por último, também foram procurar no dicionário online o significado de pinhata. Realizámos a divisão silábica da palavra e aprendemos os seus três significados diferentes.
2.ª Votação para o formato da pinhata
Ao longo da pesquisa fomos vendo várias ideias de pinhatas no computador e ficámos inspirados. No entanto, em conjunto teríamos que decidir qual seria a forma da nossa pinhata. Assim, realizámos um brainstorming com as ideias de cada um, tendo ocorrido uma votação posteriormente. Ficou assim decidido que o formato da pinhata seria: um balde de pipocas!... o que até se tornou interessante porque o nome da nossa sala são "Os Irmãos Lumière" (considerados os pais do cinema). Aproveitámos a votação para realizar um gráfico de barras com algumas das ideias dadas durante o brainstorming e as correspondentes votações.
3.ª Construção da pinhata
Para a construção da pinhata recorremos apenas a materiais reciclados. Assim, a base do balde das pipocas foi realizado com cartão dos fornecedores de alimentos do colégio. Para a sua decoração, as crianças pintaram várias folhas de revistas velhas, umas de branco e outras de vermelho. Após a secagem das folhas, as crianças recortaram 1/2 das folhas em tirinhas, dando o efeito semelhante aos das pinhatas com papel crepe. Depois cada 1/2 de folha foi colada, intercalando a cor vermelha com a branca.
Para a parte do topo da pinhata, com as "pipocas" propriamente ditas, recolhemos nas outras salas restos de papel de cenário utilizado em painéis, folhetos e papel bolha. Amachucámos tudo, tentando dar o formato das pipocas. Para finalizar, as crianças pintaram caixas de ovos com tinta amarela, que foram posteriormente recortadas e coladas sobre os restos amachucados.
Para finalizar, foi colada uma etiqueta representativa da pinhata, assim como uns fios na lateral para depois se pendurar.
4.ªConfeção das guloseimas caseiras
Com o grupo foram confecionadas gomas de gelatina caseiras. Todos trabalharam em equipa e após identificarem os ingredientes e utensílios a utilizar, puseram mãos à obra e prepararam gomas de gelatina de diferentes sabores (tutti-frutti, morango, melancia e ananás) que foram colocadas em diferentes forminhas de gelatina. Após ficarem sólidas, foram colocadas em saquinhos. O grupo fez, tal como já é hábito, um registo da receita realizada, para que posteriormente possa reproduzir em casa.

Fotos da pinhata: